fbpx

Francisco Costa: brasileiro demitido da Calvin Klein após 14 anos

Por Maya Santana

Parece que Francisco Costa, 51, caiu em desgraça com o dono da grife americana

O brasileiro diretor de criação, 51, caiu em desgraça com o dono da grife

Ana Maria Cavalcanti –

Os dias passam e o mundo da moda, apanhado de surpresa, continua falando da demissão do brasileiro Francisco Costa, diretor de criação da linha feminina da Calvin Klein, às vésperas de seu 52º aniversário. O espanto não poderia ser maior, afinal Francisco era parte da grife americana há 14 anos. E deixou a sua marca, apresentando em suas coleções minimalismo, sofisticação, sobriedade e, ao mesmo tempo, o estilo casual do criador da marca.

O grupo Phlips Van Heusen( FVH), atual dono da CK , foi lacônico ao comentar a demissão do estilista: “estamos mudando nossa estratégia de criação”. Nem Francisco Costa comentou sua saída da CK. Uma demissão, é claro, nunca é agradável, principalmente quando se trata de uma pessoa talentosa e sensível como ele, profissional de grande projeção. Chegou a ser eleito um dos 25 latinos mais influentes de Nova York.

Coleção  da Calvin Klein com o dedo do estilista brasileiro

Coleção da Calvin Klein criada pelo estilista brasileiro

Seguramente, não faltará trabalho para este mineiro de Guarani, interior de Minas Gerais, nascido em 1964, com uma trajetória de vida marcada pela determinação e talento. Naturalmente inquieto, aos 20 anos de idade deixou sua cidade natal e foi morar nos Estados Unidos. Com pouquíssimo dinheiro, sem falar inglês, mas confiando muito em seu taco, estudou no Fashion Institute Of Technology , o prestigiado FIT, em NY, onde ganhou uma bolsa, concorrendo com 14 outros candidatos.

Francisco já tinha trabalhado para etiquetas renomadas, como Bill Blass, Oscar de La Renta e Gucci, quando, em 2002, foi convidado por Calvin Klein – que na época estava se aposentando – para assumir a direção criativa da linha feminina da marca. Nunca antes um brasileiro havia ocupado tal cargo em uma grife tão importante, nos Estados Unidos.

A linda atriz  Lupita Nyongo ostentando um dos modelos da grife

A linda atriz Lupita Nyongo ostentando um dos modelos da grife

A CK, foi fundada nos anos 60 pelo judeu de origem húngara, Calvin Klein. Ele também estudou com bolsa no FIT e lançou sua moda fazendo roupas masculinas, sóbrias e sofisticadas. Depois, vieram as roupas femininas e a marca foi se diversificando cada vez mais. Hoje, a CK fabrica relógios,camisas, perfumes, roupas intimas, bolsas, mobília e objetos de decoração. Apesar do sucesso, foi fazendo jeans que a marca explodiu em 1980, através de uma campanha estrelada por Brooke Shields, então com 14 anos. A campanha foi tão bem sucedida que a CK aumentou seu faturamento em 160 milhões de dólares. Calvin Klein foi o primeiro a colocar jeans nas passarelas.

A atriz Brooke Shields no famoso comercial no início dos anos 1980

A atriz Brooke Shields no famoso comercial no início dos anos 1980

A marca foi vendida em 2003 para o grupo Philips Van Heusen( PVH) por 438 milhões de dólares. Calvin Klein ficou com 30 milhões de ações e até hoje continua sendo o consultor de moda mais importante da marca. E aqui chegamos novamente na demissão de Francisco Costa. Corre pelos bastidores da moda que o brasileiro teria sido demitido porque CK não teria gostado da campanha publicitária de roupas íntimas estrelada por Kendall Jenner.

Essa jovem tornou-se famosa antes de ser modelo por fazer parte de um realitity show, mostrando o cotidiano de sua família – com o título em inglês de “KeepingUpWiththeKardashians“, que está no ar há vários anos. “Não consigo me acostumar com a idéia, não é a escolha que eu teria feito”, disse Calvin Klein, dias antes da demissão de Francisco Costa.

Um dos últimos trabalhos do qual Francisco Costa participou, esta coleção foi apresentada em Nova York, em fevereiro:

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário





3 Comentários

Sarto Alencar 27 de abril de 2018 - 11:31

Gostaria de saber quem é o responsável pela marca Calvin Klein aqui no Brasil.Vcs tem como passar este contato.Obrigado.
Sarto Alencar
[email protected]
Zap 21 96615.9622
Cel 21 99143.4688

Responder
Dalila Suannes Pucci 30 de abril de 2016 - 20:38

Sempre gostei de Calvin Klein e como sua fã devo dizer que este desfile foi de roupas horríveis, com manecas horrendas!!!!

Responder
Ana 30 de abril de 2016 - 11:05

Um desfile nota 10. Uma elegância simples e ao mesmo tempo sofisticada e sensual. Um luxo de coleção. Vai ser uma gde perda para a CK.

Responder

Utilizamos cookies essenciais de acordo com a nossa Política de Privacidade e ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Aceitar Leia mais