fbpx

Além das vacinas contra a Covid e a gripe, há outras que os 50 e mais precisam tomar

Por Maya Santana

Vacinas como a tríplice viral, o herpes zóster e as de Hepatite A e B são essenciais para quem passou dos 50

Dr. Márcio de Sá, 50emais

É muito importante que todas as pessoas de mais de 50 anos e, sobretudo, as de 60 e mais estejam em dia com as suas vacinas, visto que várias doenças infecciosas podem e devem ser prevenidas com uma correta imunização.

A Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm) atualiza, anualmente, os seu calendários de vacinação, que são publicados em tabelas, segundo as faixas etárias. Elas detalham, de maneira clara, quais vacinas devem ser tomadas, quando e em que ocasião, os esquemas e as recomendações, a sua disponibilização pelo Sistema Único de Saúde (SUS), ou não, e alguns comentários sobre cada uma das vacinas recomendadas.

Nos links abaixo estão os dois calendários que nos dizem respeito – a partir dos 50 anos -, que resumem, de forma clara, as vacinas aconselhadas, indispensáveis: a primeira tabela para as pessoas dos 20-59 anos e, a segunda, para as de 60 anos e mais.

Clique aqui para ver a tabela de vacinação de 20 a 59 anos.

Clique aqui para ver a tabela de vacinação de 60 e mais

Doenças que podem ser prevenidas

O cartão de vacinação em dia evita uma série de doenças que vêm com a idade

 

Sarampo, Caxumba e Rubéola

Vacina recomendada: Tríplice viral

Para as pessoas que nunca foram vacinadas: duas doses espaçadas, no mínimo, de um mês.

Para os de 60 anos e mais: um dose, se em situação de risco aumentado.

Em maio de 2021, em clínicas privadas de vacinação, o preço médio de cada dose desta vacina – assim como para todas as demais vacinas que seguem abaixo – é R$ 105,30.

Hepatites A e B

As vacinas que previnem estas doenças existem associadas ou separadamente.

Para a vacina que imuniza somente a hepatite A: duas doses espaçadas de 6 meses

Para a vacina que imuniza somente a hepatite B: três doses, a segunda, um mês após a primeira e a terceira, seis meses após a segunda.

Para a vacina dupla, que imuniza para ambos os tipos de hepatite: três doses, a segunda, 1 mês após a primeira e a terceira, 6 meses após a segunda.

Preços: Hepatite A, R$ 175,50; Hepatite B, R$ 105,30; Hepatites A e B conjugadas, R$ 198,00.

HPV4

É o papilomavírus humano, capaz de infectar pele e mucosas.

Três doses: a segunda dose, um mês após a primeira e a terceira, seis meses após a segunda.

Preço: R$ 573,00.

Difteria, tétano e coqueluche

A vacina é a Tríplice bacteriana acelular tipo adulto.

O esquema de vacinação varia de acordo com a situação de cada pessoa:

Básico completo;
Básico incompleto;

Não vacinados e/ou histórico vacinal desconhecido.
Para a descrição dos esquemas, ver a tabela 20-59 anos da SBIm.

Preço: R$ 179,00.

Varicela (Catapora)

A grande maioria dos adultos teve varicela na infância. A doença confere imunidade durante toda a vida.

Para as pessoas que não sabem ou não se recordaram de terem tido a doença: 2 doses com intervalo de 1 a 2 meses.

Preço: R$ 269,00.

Influenza (Gripe)

A gripe pode ser uma doença grave em pessoas de 50 anos e mais e não deve ser confundida com o resfriado comum.
O esquema de vacinação é uma dose anual – atualizada de acordo com o(s) tipo(s) de vírus predominante(s) em cada ano. Este 2021, a vacinação contra a gripe começou em 12 de abril e vai até 9 de julho.

Preço: R$ 125,00.

Meningocócicas Conjugadas ACWY, ACWC e Meningocócica B

A indicação destas vacinas depende da situação epidemiológica (presença e propagação atual da doença).

O esquema vacinal comporta para a vacina Meningococias Conjugadas 1 única dose; e para a vacina contra a Meningite Meningocócica: duas doses intervaladas de 1 a 2 meses.

Para os de 60 anos e mais, 1 dose única das vacinas Meningocócicas Conjugadas ACWY/C deve ser utilizada em situação de risco aumentado.

Preços: ACWY, R$ 342,00; ACWC, R$ 369,00; Meningocócica B, R$ 535,50.

Febre Amarela

Uma dose a partir dos 50 anos, somente por orientação médica.

O mesmo esquema de vacinação deve ser utilizado para os de 60 anos e mais, inclusive para os que não se lembram se foram vacinados e para os residentes em áreas endêmicas.

Pessoas que viajam para regiões do Brasil e do mundo onde a doença é endêmica devem, obrigatoriamente, ser vacinadas.

Uma segunda dose pode ser considerada, de acordo com o risco epidemiológico.

Preço: R$ 165,00.

Herpes Zoster (Varicela Zoster)

A Herpes Zoster é uma doença causada pela reativação do vírus da Varicela (Catapora).

A vacina contra esta doença – uma única dose – está licenciada para pessoas acima dos 50 anos.

Preço: R$ 570,00.

Dengue

A vacina está licenciada para os de 50 anos e para as pessoas soropositivas ao HIV e para as que têm Aids.

O esquema é três doses a cada seis meses.

Preço: R$ 309,00.

Pneumocócicas VPC13 e VPP23

As pneumonias podem ser graves, e mesmo fatais, para nós adultos de 60 anos e mais.

O esquema vacinal é uma dose de VPC13, seguida de uma dose de VPP23 6 a 12 meses depois e uma dose de VPP23 cinco anos após a primeira.

Preços: VPC13, R$ 252,00; VPP23, R$ 112,00.

Covid-19

A vacina é indicada para todas as pessoas acima de 50 anos. Para os três imunizantes disponíveis no Brasil, o esquema de vacinação é:

Coronovac: 2 doses, a segunda de 14 a 28 dias depois.

Astrazenaca: 2 doses com intervalo de 3 meses.

Pfizer: 2 doses com intervalo de 3 meses.

Veja também:

Dr. Márcio de Sá: A importância do celular para nós que passamos dos 60 anos

close

Inscreva-se para receber conteúdo incrível em sua caixa de entrada, todas as semanas

Prometemos que nunca enviaremos spam! Leia nossa Política de privacidade para mais detalhes.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário





2 Comentários

Gislayne Matos 20 de maio de 2021 - 11:23

Muito esclarecedor o artigo desta semana, do Dr Márcio. Já vou providenciar essa de herpes zoster. Obrigada pelas informações Dr Márcio, tenho seguido à risca as suas orientações

Responder
Dr. Márcio de Sá 24 de maio de 2021 - 16:53

Muito obrigado, Sra. Gislayne!
Eu fico satisfeito que o meu artigo tenha sido esclarecedor e a motive a tomar a vacina que protege contra a Varicela Zoster (Herpes Zoster).

Responder

Utilizamos cookies essenciais de acordo com a nossa Política de Privacidade e ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Aceitar Leia mais