fbpx

Aos 63, ela é a mais perfeita tradução do sucesso

Por Maya Santana

Luiza Trajano comanda  império que teve faturamento de R$ 9,1 bilhões no ano passado

Luiza Trajano comanda império com faturamento de R$ 9,1 bilhões em 2012

Daniela D’Ambrosio

Gostou? Então anota aí – ela diria. Pegue um sotaque interiorano, acrescente  uma porção de informalidade com uma generosa dose de simplicidade. Coloque duas  pitadas de carisma, duas colheres de determinação e polvilhe tudo com muita  transparência. Tempere com atitude, reserve a prepotência. Coloque a mão na  massa. A receita que Luiza Helena Trajano serve há mais de quatro décadas no  varejo de eletroeletrônicos, à frente do Magazine Luiza, não tem ingrediente  secreto. Nenhum. Mas é aquele típico prato que muda de sabor na mão de quem sabe  fazer.

Luiza adora uma receita. Sábia e oportunamente, interrompe a nossa conversa – mais com cara de uma boa prosa – para passar duas delas: molho de cebola e um  chá que acabou de aprender. Ela detesta chá, mas aprendeu um tão bom que ensina  a todo mundo. Ah, ela tem até receita de alimentação para as futuras mães que  querem dar um empurrão no destino para acertar o sexo do bebê. Luiza é assim. A  receita pode estar na ponta da língua, mas o discurso não é pronto, a frase não  é feita, a assinatura do e-mail não é padrão.

 Simplicidade é a receita de sucesso desta mulher tão admirada

Simplicidade é a receita de sucesso desta mulher tão admirada

É claro que ela vende a si própria e suas ideias com a mesma competência que  vendeu milhares de geladeiras, televisores e – seu maior negócio – parte das  ações do Magazine Luiza ao mercado. Só que Luiza tem aquele raro dom de usar o  jeito simples e a fala coloquial para tratar de assuntos complexos. Parece estar  comprometida apenas com a espontaneidade.

Em pouco tempo de conversa, Luiza Trajano, de tão familiar, pode se  parecer com aquela sua vizinha do interior. Mas, muito provavelmente, a sua  vizinha não é a sócia majoritária de uma empresa com faturamento de R$ 9,1  bilhões no ano passado, 734 lojas – na segunda-feira estava avaliada em R$ 1,345  bilhão na Bolsa de Valores de São Paulo.

O ambiente ajuda. Luiza está em casa. No Brasil a Gosto, restaurante de  comida brasileira da filha Ana Luiza Trajano. Ana Luiza, terceira geração de  mulheres obstinadas de mesmo nome, não poderá nos acompanhar porque está em  casa, queimando numa febre de 39 graus. Almoço sem tempero? Tentamos uma nova  data, mas a agenda está complicada e é melhor não deixar Luiza escapar depois de  três meses de espera e um almoço já remarcado. Ainda que não estejam ali, as  Luizas da família Trajano vão entrar na nossa conversa e sair dela o tempo  todo. Leia mais em valor.com.br

 

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

um + treze =