fbpx

Barba precisa de cuidados para enobrecer o rosto

Por Maya Santana

A barba está de volta. Todos os tipos de barba, como se pode conferir acima

Ela está de volta de todos os tipos, como se pode conferir acima

A barba, esse acessório tão masculino, está na moda outra vez. Voltou com toda força, em todos os estilos, cortes e tamanhos. E muita gente está aderindo. Mas se você vai usar barba, preste atenção aos cuidados que deve ter para que ela realmente acrescente ao seu rosto, e não seja simplesmente um amontoado de pelos mal cortados e desalinhados.

Leia o artigo publicado pelo Estado de Minas:

Ao longo do século 20, o significado e os valores atribuídos à barba mudaram radicalmente. Após a disseminação do aparelho de barbear, ela se tornou sinônimo de rebeldia, irreverência e até petulância, uma vez que o rosto masculino lisinho, totalmente raspado, dava um ar de “civilidade”. Nos anos 1950, por exemplo, os imberbes deram as cartas, embora bigodes fossem tolerados. Os pelos voltaram à tona nos anos 1970, sobretudo no contexto do movimento hippie e do ativismo gay. A década seguinte, porém, passou uma gilete nessa exuberância. Hoje, assistimos a uma nova reviravolta, com a valorização da barba — ela confere personalidade aos que sabem usá-la. O segredo é a combinação entre o desenho dos pelos e o formato do rosto.

Advogado Wagner Rêgo cultiva a sua barba: é um frequentador de barbearias

Barba está na moda: Wagner Rêgo é frequentador de barbearias

Segundo a especialista em estética masculina Roberta Almeida, a barba voltou com tudo. Pode ser vista no rosto de homens poderosos e estilosos, como os atores Robert Downey Jr., Johnny Depp, Hugh Jackman e George Clooney. Para a especialista, o importante é dosar a ousadia. “Na maioria das vezes, a barba frisada (com o look de barba por fazer), mas muito bem delineada e bem baixinha, costuma dar certo. Há casos em que uma barba cheia, mas sempre bem cuidada, também combina com o rosto”, explica.

“A regra geral é: o formato do rosto determina que tipo de barba cai melhor”, continua Roberta. “O objetivo é alongar o queixo, tornando o rosto mais quadrado. Para isso, um cavanhaque ou costeletas podem ser uma boa opção. Para aqueles que já têm o rosto quadrado, é só alegria. A única recomendação é ter cuidado para não deixar os pelos muito longos”, ressalta. O advogado Wagner Rago, 39 anos, é frequentador assíduo de barbearias desde a primeira vez que experimentou aparar os fios fora de casa. “É muito diferente. A gente fica se matando em frente ao espelho e, na verdade, não faz a menor ideia do que está fazendo. Além de tudo, a profissional que me atende dá dicas sobre o que fica melhor no rosto”, elogia Wagner.

Para o especialista em estética masculina Deivid Meireles, um dos pontos mais interessantes sobre a barba é o “plus” que ela pode trazer ao visual do homem. “Estilos de barba um pouco mais exóticas, algumas bem cheias e extravagantes, desde que bem desenhadas e aparadas, também estão sendo muito bem aceitas, pois podem dizer muito sobre a personalidade de quem a usa”, atesta Deivid. Clique aqui para ler mais.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

dezesseis − cinco =

1 Comentários

Avatar
nenez 27 de janeiro de 2014 - 16:44

Quanta gente linda!

Responder