fbpx

Eles aprendem inglês com idosos americanos

Por Maya Santana

Esther Barker, uma das participantes do programa, conversa com a jovem brasileira

Através da internet, Esther Barker conversa com a jovem brasileira

Toda boa ideia deveria ser premiada. Eu espero que quem criou o “Speaking exchange” – algo como “troca de conversa” – tenha, merecidamente, recebido a sua recompensa. É um programa de aprendizado de inglês pela internet que põe, de um lado, estudantes que desejam aprender a língua, e do outro, homens e mulheres já velhos, moradores de asilos nos Estados Unidos. Juntaram as necessidades dos jovens – praticar o  inglês – com a necessidade daqueles com mais idade – ter alguém com quem conversar – e o resultado não poderia ser melhor.

O curso é da escola de inglês CNA, que se aliou à agência de propaganda FCB para por em prática a brilhante ideia. A intenção é que os estudantes brasileiros não apenas treinem a nova língua, como também troquem experiências e afeto com o idoso no outro computador. E a coisa funciona direitinho.

Dê uma olha neste vídeo. Embora esteja em inglês, dá para qualquer um ver como o intercâmbio funciona e reparar nas fisionomias contentes dos idosos – muitos se arrumam, se enfeitam para conversar com os brasileiros – e dos estudantes:

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

10 − 3 =

6 Comentários

Avatar
Roseli Padovan 21 de fevereiro de 2017 - 13:34

Oh Meus Deus ! Como é necessário para eles o contato com outraa pessoas. Como são lindos !
Por que temos que pagar para simplesmente conservar, assuntos do dia a dia e até ñ tão importantes são ! Ví o sorriso estampado em seus rostos, apenas por ter dado a eles atenção. Querem saber ? Eu teria o maior orgulhoso e felicidade em trabalhar com pessoas tão simples, porém com vasta experiência de vida.

Responder
Avatar
FÁTIMA GUEDES 28 de maio de 2014 - 17:10

Achei a ideia excelente e seria muito válido fazermos isto no Brasil…pessoas estrangeiras que queiram aprender português…também pode ser pessoas que amam literatura, artes contactarem através de um programa cultural aonde haja uma troca , um estudo com leituras de obras de escritores diversos…eu gostaria de participar…vamos nos enriquecer culturalmente.

Responder
Avatar
Déa Januzzi 15 de maio de 2014 - 23:31

Emocionante! Iniciativas como essa merecem todo o nosso respeito, pois a população está envelhecendo e ninguém pode prescindir dessa convivência entre gerações. Os mais velhos ensinando aos mais jovens. Parabéns!!!!

Responder
Avatar
Maria 15 de maio de 2014 - 23:09

Que maravilha de intercambio ! Poderia ter tb no nosso pais, pessoas que querem aprender a nossa linda pronúncia!

Responder
Avatar
lisa santana 15 de maio de 2014 - 14:21

Sim Tinda, belíssima ideia!

Responder
Avatar
Tinda Costa 15 de maio de 2014 - 13:46

Uma idéia genial e seria maravilhoso se ela se espalhasse !

Responder