fbpx

Aneurisma mata o cantor Wander Lee aos 50 anos

Por Maya Santana

O artista, de acordo com sua empresária, foi vítima de um aneurisma na veia aorta

O artista, segundo, sua empresária, foi vítima de um aneurisma na veia aorta abdominal

Nunca fui a um show dele. Embora gostasse e goste bastante do trabalho desse cantor e compositor mineiro, nunca comprei qualquer dos seus discos. Ouvia suas baladas românticas, com letras tão delicadas, no rádio. Como todo mundo, me surpreendi com sua morte precoce, aos 50 anos de idade, no auge da carreira. Numa dessas coincidências terríveis, neste 5 de agosto, completa 61 anos da morte de outra artista inesquecível: Carmen Miranda.

Leia mais sobre Wander Lee:

O cantor e compositor mineiro Vander Lee morreu na manhã desta sexta-feira, 5, aos 50 anos de idade, em Belo Horizonte (MG). A empresária do artista, Rossana Decelcio, confirmou a informação ao Globo e informou que ele foi vítima de um aneurisma da aorta abdominal.

Em nota oficial, o Hospital Madre Teresa, onde ocorreu a morte, diz que o músico foi transferido de um outro hospital para a equipe de cirurgia cardiovascular da unidade na tarde desta quinta-feira, 4, com quadro de dissecção aguda de aorta com ruptura da coronária direita válvula aórtica e aorta ascendente. Ele passou por uma cirurgia mas não sobreviveu a uma parada cardíaca.

“Vander Lee passou por uma cirurgia para a correção total, que transcorreu sem complicações e o paciente foi transferido para o CTI pós-operatório, onde passou por episódio de arritmia ventricular seguido de parada cardíaca, passando por sucessivas tentativas de reanimação até evoluir para óbito às 08h desta data”, esclareceu o boletim.

Carreira e obra
Vander Lee se destacou mais como compositor do que como intérprete ao longo de sua carreira e já teve canções gravadas por grandes artistas da MPB, como Gal Costa, Alcione, Maria Bethânia, Fábio Jr., Fagner, Elza Soares, Elba Ramalho e Vanusa.

Autor de sucessos como “Galo e Cruzeiro”, “Esperando Aviões”, Vander Lee – nascido Vanderli Catarina – tem nove CDs e dois DVDs gravados. Filho do violonista amador José Delfino Catarino, irmão da cantora e compositora Ivânia Catarina, o artista foi criado na periferia de Belo Horizonte, no bairro de Olho D’Água, e trabalhou como office-boy, gandula e goleiro no time de futebol Atlético Mineiro antes de entrar na carreira artística. Ele tinha três filhos: Laura, Lucas e Clara. Clique aqui para ler mais.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

3 × 1 =