fbpx

Carreira: escolhas, não-escolhas e competências

Por Maya Santana

Auto-conhecimento: para encontrar sua essência e saber o que te faz feliz

Auto-conhecimento: para encontrar sua essência e saber o que te faz feliz

Juliana Andrade*

Já falamos aqui sobre a tomada de decisões de carreira, em sua maioria, não rotineiras. Mas… que competências precisamos ter para dar o passo à frente? Em primeiro lugar, é preciso dizer que nem sempre temos a chance de escolher e somos surpreendidas por não-escolhas: uma demissão não esperada, uma gravidez não planejada ou uma promoção não imaginada, por exemplo.

Mas, independente do fato gerador, as escolhas e não-escolhas precisam ser encaradas e demandam o domínio de algumas competências essenciais, em maior ou menor grau, de acordo com a situação.

Reunimos aqui algumas competências essenciais construídas a partir de discussões sobre como estar apta para essas mudanças:

1. TOMADA DE DECISÕES:
(para escolher com segurança)

Refere-se à habilidade de selecionar alternativas com base em seus valores, percepção, interesses e preferências e de administrar o conflito entre escolha e renúncia.
Para aprimorar: decidir a decidir, compartilhar o problema, assumir riscos.

2. AUTO-CONHECIMENTO:
(para encontrar sua essência e saber o que te faz feliz – e não ao outro)

Refere-se ao interesse e disposição pessoal para fazer um mergulho para dentro de si mesma, encarar de frente o que incomoda e agir corretivamente.
Para aprimorar: ter vontade, pedir feedback, permitir-se imperfeita.

3. FLEXIBILIDADE E ABERTURA PARA MUDANÇAS
(para ter coragem de mudar e arriscar melhores resultados)

Refere-se à capacidade de pensar o novo, recomeçar, abrir-se para novas possibilidades e enfrentar o medo do desconhecido para ir além.
Para aprimorar: perguntar sempre: por que não?, conversar com quem já vivenciou experiências similares, conhecer os benefícios da mudança.

Leia também:
Quer trabalhar depois de aposentada? Seja bem-vinda
Não está na hora de você repensar a sua carreira?

4. COMUNICAÇÃO ASSERTIVA
(para se posicionar, dizer o que te faz feliz, o que deseja, o que decidiu fazer)

É a habilidade para se posicionar e expor seus pontos de vista, ainda que diante de reações contrárias.
Para aprimorar: reunir argumentos, saber ouvir, entender que desagradar pode fazer parte.

5. AUTO-DESENVOLVIMENTO
(para aprimorar os pontos de melhoria e seguir crescendo)

É a preocupação e interesse genuíno em aprender e promover o desenvolvimento próprio, alinhado seus interesses e escolhas.
Para aprimorar: buscar feedbacks e definir um plano pessoal para os pontos de melhoria, criar alternativas para aumentar a qualificação.

*Rede Aptta

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário





Utilizamos cookies essenciais de acordo com a nossa Política de Privacidade e ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Aceitar Leia mais