fbpx

Cuoco, 81: Não uso remédios para estimular a libido

Por Maya Santana

Nem senti e nuca tive nenhuma crise por causa do tempo

Nunca tive nenhuma crise por causa do tempo. Idade está na cabeça

Bruno Astuto, Época

Lá se vão 60 anos desde que Francisco Cuoco conseguiu convencer o pai, Leopoldo, italiano que vendia macarrão na feira, a não fazer faculdade de direito. “Até queria ser advogado, mas ao ter contato com a escola de arte dramática decidi o que queria da vida”, diz o veterano, que aos 81 anos completa seis décadas dedicadas ao ofício de atuar. Por causa da data Cuoco será um dos homenageados do programa Grandes Atores, exibido pelo Canal Viva, que será exibido dia 26 e revive toda a trajetória do ator.

Foi difícil chegar aos 80?
Nem senti e nuca tive nenhuma crise por causa do tempo. Idade está na cabeça. É claro que envelhecer é complicado, principalmente pela questão física. Mas não tem jeito: na vida a gente tem perdas e ganhos, essa matemática acontece com todo mundo. Sou muito ativo, trabalho bastante, namoro, sou um homem apaixonado e isso facilita as coisas.

Sente preconceito por namorar uma mulher 53 anos mais nova?
As pessoas lidam com essa besteira de idade de uma forma muito arcaica. Nem gosto de falar da Thaís (a estilista Thaís Almeida, 27 anos, sua namorada há quase seis anos) porque sei que o preconceito existe. Mas somos felizes juntos e o resto é resto. O negócio é tapar os ouvidos para o que não vale a pena. Passar dos 80 me ensinou isso: a não me importar com o que não interessa.

Você já declarou que não usa remédios para estimular a libido. É verdade?
É verdade, não uso. Não preciso deles e, além disso, eles têm efeitos colaterais bem ruins. Me resolvo muito bem e usamos bastante a nossa criatividade.

Pensa em se aposentar?
Enquanto eu acordar e tiver cabeça, estarei trabalhando e correndo atrás das coisas. É vital pra mim, é importantíssimo, é como respirar. Continuo fazendo aula de voz, aula de canto, academia, continuo tentando aprender teclado. Gostos das aulas, de aprender. Também leio sempre que posso.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário





Utilizamos cookies essenciais de acordo com a nossa Política de Privacidade e ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Aceitar Leia mais