fbpx

Enem: Aposentada quer ser professora de história

Por Maya Santana

Helena Ribeiro Rosa, 50 anos,

Helena Ribeiro Rosa, 50 anos: Agora é minha vez

Entre as milhares de pessoas que estão participando do Enem neste sábado cerca de 15.500 têm mais de 60 anos. É gente que, ao chegar à chamada terceira idade, quer voltar a estudar. O número dos que sonham retornar aos bancos da escola seria muito maior se fossem incluídos os participantes do Enem a partir dos 50 anos. É o caso de Helena Ribeiro Rosa, 50, que está fazendo a prova porque quer ser professora de História: “Agora é minha vez. Quero ir atrás desse sonho que tenho desde a juventude e nunca pude realizar.”

Leia mais sobre Helena neste artigo publicado pelo portal G1:

Em meio a uma população basicamente constituída de jovens, a comerciária aposentada Helena Ribeiro Rosa, 50 anos, vai fazer o Enem pela segunda vez de olho numa vaga em um curso de história. Trabalhadora com carteira assinada desde os 14 anos, Helena ficou órfã de pai e mãe aos 10 anos, foi criada pelos tios, casou, teve um filho e trabalhou duro até se aposentar, há cerca de cinco anos. Aí, finalmente, teve tempo para si mesma.

— Agora é minha vez. Quero ir atrás desse sonho que tenho desde a juventude e que nunca pude realizar pelas dificuldades da vida. Quando terminei o ensino médio, ou cursava uma faculdade ou comia vento — sintetiza a aposentada.

Filha de pai formado em Filosofia e professor do Colégio de Aplicação da UFRGS, Helena viu sua vida virar de cabeça para baixo quando a mãe morreu vítima de uma doença cardíaca. O pai, abalado pela tragédia familiar, morreu poucos meses depois. A saída foi trabalhar desde cedo para compensar a ajuda dos tios.

Helena conta que investiu muito no filho, que se formou em engenharia na UFRGS há cinco anos, e nos cuidados com a família. Junto com o marido, conseguiu comprar um apartamento, um carro e hoje se divide entre o trabalho doméstico e as atividades como promotora de eventos, que desenvolve junto com amigos. A vontade de cursar história vem da observação do pai. Clique aqui para ler mais.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

um × 2 =