fbpx

Guia exclusivo do 50emais de prevenção do câncer

Por Maya Santana

mirtilo, jabuticaba, maçã, aveia e frutas vermelhas previnem o envelhecimento

Maçã e frutas vermelhas ajudam a destruir células cancerígenas

A médica sanitarista Auristela Lins e a nutricionista Ana Lígia Lins se uniram e fizeram uma resenha primorosa de três livros importantes sobre os fatores alimentares e ambientais que contribuem para a formação dos tumores cancerígenos. Foram incluídos no trabalho tabelas detalhadas, com diferentes tipos de alimentos, cujas propriedades ajudam no combate ao câncer. Lendo uma dessas tabelas, você fica sabendo, por exemplo, que mirtilo, jabuticaba, maçã, aveia e frutas vermelhas ajudam na destruição das células cancerígenas e também são antioxidantes que previnem o envelhecimento.

Ao falar, com linguagem acessível, dos principais mecanismos de multiplicação das células cancerígenas, o trabalho cita, entre outros, o estresse. E esclarece que “sentimentos persistentes de impotência e desespero são fatores que induzem a liberação de cortisona e noradrenalina, hormônios ligados aos processos inflamatórios”. Menciona também como nocivos o açúcar e as massas brancas, “pois a alimentação rica nesses nutrientes predispõe à multiplicação celular.”

Dra. Auristela Lins vive em Brasília

Dra. Auristela Lins vive em Brasília

A Dra. Auristela Lins, pernambucana que reside em Brasília, explica que o trabalho foi feito com o objetivo de dar a sua contribuição “para que as pessoas possam viver mais saudáveis”. Ela faz questão de deixar claro que a resenha “não é criação nossa, pois foi baseada em livros conhecidos e artigos científicos nos quais os próprios livros se baseiam. O seu mérito é o de juntar essas informações em um texto que tenta ser claro, fiel às fontes e de leitura rápida.”

Os livros dos quais a médica extraiu o trabalho são “Anticâncer”, de David Servan-Schreiber, “Les aliments contre le cancer”, de Denis Gingras e Richard Béliveau, e “Dieta, Nutrição e Câncer”, de Dan Linezky Waitzberg. Todos os três livros, considerados referência quando se trata de combate ao câncer, são de autores estrangeiros. A nutricionista Ana Lígia, sobrinha da Dra. Auristela, auxiliou na tarefa importantíssima de atualizar as indicações desses autores à realidade brasileira.

Entre outras informações valiosas, as duas autoras chamam atenção na resenha para o efeito benéfico da cúrcuma (açafrão da terra), um tempero pouco usual na mesa dos brasileiros mas bastante difundido na Índia. A cúrcuma induz à morte as células cancerosas e é um potente anti-inflamatório. O que poucas pessoas sabem é que a inflamação significa justamente um dos mecanismos que predispõem ao surgimento da doença.

A bebida alcoólica é extremamente prejudicial

A bebida alcoólica é extremamente prejudicial

No lado negativo, ou seja, de fatores que são considerados pró-câncer, o álcool pode ser destacado, já que o seu consumo é extremamente difundido entre nós. De acordo com o estudo, o consumo do álcool potencializa o efeito danoso do desequilíbrio entre os ômegas 3 e 6, aumentando em 5 a 10 vezes a presença de radicais livres cancerígenos. É bom lembrar que as bebedeiras de final de semana, mesmo que precedidas por dias de abstinência, são igualmente prejudiciais.

Há cada vez mais pessoas no mundo afetadas pelo câncer. O de mama ainda é a doença que mais mata mulheres entre 35-54 anos, no Brasil e em outros países. Daí a importância de trabalhos como este, para que as pessoas entendam o processo de desenvolvimento da doença, os mecanismos que levam à formação do tumor, e, ainda mais importante, conheçam os alimentos prejudiciais e aqueles que são armas eficazes no combate ao câncer. ( Texto de autoria de Maya Santana)

Clique aqui para ler, com exclusividade, o trabalho na íntegra.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

dois × quatro =

4 Comentários

Avatar
Nilce ornellas de moraes 18 de março de 2015 - 07:57

Por favor me informe o nome dos livros.

Responder
Avatar
Nilce ornellas de moraes 18 de março de 2015 - 07:56

parabéns a essas duas médicas maravilhosas pela divulgação da alimentação correta da prevenção do cancer.

Responder
Avatar
MARINEZ MARAVALHAS 11 de fevereiro de 2015 - 23:48

Parabéns Maya Santana, são esses conhecimentos que devem difundidos. Essa alimentação além de saudável é muito saborosa. Esses hábitos tem de ser cultivados.

Responder
Elza Cataldo
Elza Cataldo 14 de maio de 2014 - 13:29

Ótima matéria, Maya. Parabéns para a Nena pelo rigor, capacidade sintética e forma de apresentar as importantes informações contidas neste guia. Vamos em frente com alegria e muito cuidado com a nossa saúde!

Responder