fbpx

Maya Plisetskaya, uma das maiores bailarinas do mundo, aos 61 anos

Por Maya Santana
Maya morreu em maio do ano passado, meses antes de completar 90 anos

Maya morreu em maio do ano passado, meses antes de completar 90 anos

Maya Santana

Foi a minha irmã Elisa Santana quem me mostrou este vídeo de Maya Plisetskaya, a maior bailarina russa de todos os tempos, dançando A Morte do Cisne, quando já havia completado 61 anos de idade. Fiquei maravilhada com esta bailarina sem igual, que cheguei a ver no Brasil, dançando com o Ballet Bolshoi. Maya, nascida em Moscou em 1925, morreu em maio de 2015, meses antes de completar sua nona década de vida. Entrou para a história como uma das maiores artistas de seu gênero do século 20. Assistí-la dançar é como ler o mais belo dos poemas. Assista:

close

Inscreva-se para receber conteúdo incrível em sua caixa de entrada, todas as semanas

Prometemos que nunca enviaremos spam! Leia nossa Política de privacidade para mais detalhes.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário





Utilizamos cookies essenciais de acordo com a nossa Política de Privacidade e ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Aceitar Leia mais