fbpx

Moda: viva a sua maturidade com estilo e ousadia

Por Maya Santana

Dentro de cada mulher de 60 anos habita uma bela individualidade

Dentro de cada mulher de 60 anos habita uma bela individualidade

Blog Viva50 –

É comum observar que o mundo da moda – e às vezes, as próprias mulheres – acredita no mito de que as mulheres com 60 anos ou mais não se preocupam com a aparência e com o estilo daquilo que vestem. É verdade que grande parte das mulheres mais velhas prioriza o conforto e a qualidade em detrimento de moda e de estilo, no entanto, sabemos que dentro de cada mulher de 60 anos habita uma bela individualidade que carece de expressão e as roupas que usamos devem se constituir em um meio para expressar essa individualidade (valores pessoais, caráter, modo de ser, temperamento etc.).

Não é fácil desenvolver estilo pessoal depois dos 60

Não é fácil desenvolver estilo pessoal depois dos 60

Porém, criar um estilo pessoal aos 60 anos é complicado. Quando somos jovens, nossas escolhas de moda são fortemente influenciadas pelas últimas tendências, e também no que nossos amigos usam; nos espelhamos neles para afirmar nossa personalidade. Na juventude, as escolhas que fazemos quanto as roupas que vestimos servem mais para identificar e reafirmar a identificação e inclusão em determinados grupos, aqui damos grande importância ao julgamento alheio.

Nessa idade, elas costumam priorizar o conforto

Nessa idade, elas costumam priorizar o conforto

À medida em que envelhecemos vamos ficamos menos interessadas no que os outros pensam de nós. Se por um lado isso é positivo por não permitirmos que os outros definam o que é bom para nós, por outro, sentimo-nos confusas e perdidas a respeito do que vestir, encontramos dificuldade para criar um estilo pessoal que atenda exclusivamente nossa individualidade e não as expectativas do mundo externo.

O charme e elegância em cinza

O charme e elegância em cinza

A partir dos 60 anos fica claro que para desenvolver um estilo pessoal é preciso primeiro começar pelo processo de autoconhecimento, pois agora o que vestimos deve ser o reflexo daquilo que somos. Nessa fase, a definição do estilo está intimamente ligada à personalidade, à história de vida de cada uma de nós.

Faça uma autoanálise, perceba-se, procure saber quem você é de verdade, do que gosta, o que lhe dá alegria, quais são os seus interesses… Enfim, procure se conhecer melhor!

Luiza Brunet: sempre elegante

Luiza Brunet: sempre elegante

Abra seu guarda roupa e analise peça por peça, sinta, observe, experimente cada uma e veja se ela tem o poder de traduzir a sua alma, se ela representa a sua personalidade. Se isso não acontecer, descarte-a sem dó, procure deixar somente aquelas peças que realmente expressam a sua personalidade.

A única coisa que desaprovo é o salto: alto demais

A única coisa que desaprovo é o salto: alto demais

Depois disso, dê asas à imaginação, monte looks com as roupas que ficaram, procure descobrir novos arranjos, experimente, ouse, dê toques de ousadia ao seu estilo recém-descoberto. Quando for comprar novas peças faça-o imbuída do espírito de aventura e criatividade. Não se esqueça de que as suas roupas devem, cada uma, expressar a grande mulher que você é.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

10 + 20 =

5 Comentários

Avatar
Nicia 19 de outubro de 2016 - 20:03

Não é fácil saber o estilo de roupa,mas tento.

Responder
Avatar
Diva Castro 7 de agosto de 2019 - 16:44 Responder
Avatar
Maria Lucia Viana 25 de dezembro de 2015 - 20:57

muito difícil achar roupas que não deixe você mas velha ou ridícula…com roupas de garotinhasss.. Não tem graçaaa o braço e as rugas á mostrass Se vestia o M é claro que continuo Com M .Poque não cresci..mas não posso esta com o mesmo peso de adulto jovem rsrs.

Responder
Avatar
Rosácea Castro 5 de dezembro de 2015 - 16:02

Eu tenho muita dificuldade de encontrar o meu estilo, primeiro porque é muito difícil encontrar lojas nessa faixa de idade e quando encontramos as roupas são de muito mal gosto, segundo todos os sites que vejo na Internet mostram roupas, na maioria das vezes, para um clima frio, eu moro na Bahia, verão praticamente o ano todo. Como colocar roupas de alcinha fina, ou tomara que caia na minha idade. Difícil.

Responder
Avatar
Ines 26 de dezembro de 2015 - 08:06

Rosácea, sabe o que eu fiz? Montei um guarda roupa com vários vestidos transados, combinei com acessórios modernos e tô fresquinha e Feliz da vida! Bjs

Responder