fbpx

Novos xamãs ensinam ginástica de bruxos mexicanos

Por Maya Santana

Os professores Aerin Alexander e Miles Reid

Está bem enganado quem ainda associa o xamanismo a rituais indígenas no deserto, em volta do fogo, envolvendo encantamentos e conjuros a forças sobrenaturais. O xamanismo no século 21 é uma filosofia aplicada que inclui exercícios para combater estresse, fadiga e tensão, entre outros dramas urbanos.

Esse conhecimento chega às grandes cidades por meio de workshops como o que ocorrerá em São Paulo nos dias 24 e 25. O curso será ministrado por dois discípulos diretos de Carlos Castaneda (1925-1998), o controverso antropólogo e autor de “A Erva do Diabo”, um mito do século 20.

Os professores-xamãs são os norte-americanos Miles Reid, médico formado em Buenos Aires e especialista em plantas, e Aerin Alexander, terapeuta corporal formada na Califórnia. Eles criaram a “Being Energy” (ser energia), clínica que dissemina técnicas aprendidas por ambos diretamente com o mestre Castaneda, com quem conviveram um pouco há 20 anos.

“Esses movimentos restauram, redistribuem energia e causam bem-estar”, disse Reid, em entrevista à Folha. Para quem olha de fora, tais exercícios ou “passes energéticos”, como agora são chamados (Castaneda os chamava de “passes mágicos”), lembram artes marciais. São feitos em séries de oito, nove, 12 ou mais movimentos. Leia mais em www.folha.com.br

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

5 + dez =