O Brasil perde o grande Emílio Santiago, 66 anos

Por Maya Santana
O cantor carioca morreu vítima de um AVC sofrido no dia 7 de março, no Rio

O cantor carioca morreu vítima de um AVC sofrido no dia 7 de março, no Rio

O maior cantor do Brasil Emilio Santiago partiu para o plano espiritual. Que tristeza meu Deus”. Foi assim que o cantor Ed Motta reagiu à morte de Emílio Santiago, nesta quarta-feira, em consequência de complicações decorrente de um AVC que sofreu no dia 7 de março. O corpo está sendo velado na sede da Câmara Municipal do Rio e deve ser enterrado nesta quinta-feira, às 11h, no Cemitério Memorial do Carmo, no túmulo que Emílio comprou em 2006 para a mãe.

Nascido no Rio de Janeiro em 6 de dezembro de 1946, Emílio Santiago era formado em Direito, profissão que nunca exerceu. O interesse por Nelson Gonçalves, Cauby Peixoto e João Gilberto, que ouvia em casa, falou mais alto. Com o incentivo de amigos, participou de festivais e concursos musicais. A voz marcante, que embalava de baladas a sambas cheios de swing, conquistou críticos e fãs e o primeiro LP, com seu nome, foi lançado em 1975, com canções de Ivan Lins, João Donato e Nelson Cavaquinho.

O sucesso chegou ao cantor de vez em 1988, ao lançar o disco “Aquarela Brasileira”, primeira parte de um projeto de sete volumes, dedicado exclusivamente à música brasileira. A série de gravações ganhou uma versão ao vivo, “O Melhor das Aquarelas Ao Vivo”, em 2005. O último disco de Emílio Santiago foi “Só Danço Samba (Ao Vivo)”, lançado em 2012, junto com um DVD. O cantor estava com quatro shows programados para o mês de março: dia 13 em Campinas (SP), dia 16 na quadra da Portela, no Rio, e nos dias 22 e 23 na capital paulista.


CONTEÚDO PUBLICITÁRIO

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário





1 Comentários

Toninho Reis 21 de março de 2013 - 00:49

Deixo aqui meu carinho pelo Emilio, com boas lembracas de New York,foi onde o conheci,a anos atras, e desde sempre nos encontravamos com muitas festas e reunioes em minha casa, Foi onde ele me apelidou de mineirinho, saudades pra sempre e viva Emilio……………

Responder

Utilizamos cookies essenciais de acordo com a nossa Política de Privacidade e ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Aceitar Leia mais