fbpx

O passado dos candidatos à presidência em fotos

Por Maya Santana
Nesta foto de 1986, cedida pela equipe de campanha da candidata, Marina participa de um protesto contra o desmatamento em Xapuri, no Pará

Nesta foto de 1986, cedida pela equipe de campanha da candidata, Marina participa de um protesto contra o desmatamento em Xapuri, no Pará

O jornal El País publica neste sábado uma galeria com fotografias dos principais candidatos à presidência da República nas eleições de amanhã, domingo,5 de outubro As imagens mostram Marina Silva, Dilma Rousseff e Aécio Neves na infância e juventude. Todos os três têm mais de 50 anos: Aécio tem 54, Marina, 56, e Dilma, 66. O título que o jornal deu à galeria é “O passado dos presidenciáveis”.

Veja as outras imagens:

Retrato familiar dos Rousseff em 1952. Dilma, com cinco anos, no topo, posa junto ao seu pai, Pedro Rousseff, sua mãe, Dilma Jane da Silva, seu irmão, Igor, e sua irmã, Zana. - AFP

Retrato familiar dos Rousseff em 1952. Dilma, com cinco anos, no topo, posa junto ao seu pai, Pedro Rousseff, sua mãe, Dilma Jane da Silva, seu irmão, Igor, e sua irmã, Zana. – AFP

O presidenciável Aécio Neves (PSDB) bebê

Aécio Neves ainda bebê

Foto de 1975. Segunda à direita, Marina Silva posa com freiras do convento Servas da Maria, onde a candidata estudou, no Acre. Marina cresceu entre oito irmãos em um seringal. A mãe de Marina morreu quando ela tinha 15 anos.

Foto de 1975. Segunda à direita, Marina Silva posa com freiras do convento Servas da Maria, onde a candidata estudou, no Acre. Marina cresceu entre oito irmãos em um seringal. A mãe de Marina morreu quando ela tinha 15 anos.

A presidenta Dilma Rousseff, com 7 anos, posa em Belo Horizonte, em 1954. Filha de um advogado búlgaro e uma professora, Dilma foi a primeira mulher a se tornar presidenta do Brasil.

A presidenta Dilma Rousseff, com 7 anos, posa em Belo Horizonte, em 1954. Filha de um advogado búlgaro e uma professora, Dilma foi a primeira mulher a se tornar presidenta do Brasil.

Aécio Neves com uniforme escolar, durante sua infância em Belo Horizonte.

Aécio Neves com uniforme escolar, em Belo Horizonte

Até os 16, Marina Silva era analfabeta

Até os 16, Marina Silva era analfabeta

Dilma nos tempos de estudante

Dilma nos tempos de estudante

Com Tancredo Neves, o avô presidente que morreu antes de assumir a presidência

Com Tancredo Neves, o avô que morreu antes de assumir a presidência

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

dois × 4 =

1 Comentários

Avatar
marisa 21 de agosto de 2016 - 19:32

Organização criminosa no Brasil utiliza dispositivo de envio de voz para o crânio humano para torturar pessoas, o equipamento permite a escuta e o monitoramento dos pensamentos e a transmissão de sons da fala para o cérebro da vítima. Os criminosos utilizam uma conexão através de micro – ondas invisível com os cérebros das pessoas, proporcionando o acompanhamento constante e vigilância silenciosa. Eles podem ouvir o que ouvimos, vemos e até mesmo ler nossos pensamentos, vigilância total de qualquer um, em qualquer lugar do país. Esta arma está sendo usado como instrumento de tortura não rastreável e arma letal. Ao interagir com o cérebro, os operadores podem transmitir sons inexplicáveis, vozes, imagens, cheiros e gostos, e causar numerosas dores e sensações por todo o corpo. Estas incluem a sensação de corrente elétrica e as vibrações zumbido nos ouvidos sensação de clicks intracraniano. As vítimas são submetidas a privação do sono e intensa tortura física e psicológica em uma tentativa de empurrá los ao suicídio ou violência. Exausto desorientado e apenas tentando sobreviver a tortura, as vítimas são extremamente vulneráveis a qualquer coisa. Esse aparelho de perseguição organizada está sendo usado contra cidadãos brasileiros desde a década de 1980 e tem a capacidade de acompanhar, monitorar, assediar e ameaçar pessoas em todo o país. Seus números e enorme alcance sugerem o envolvimento do governo e de financiamento, possivelmente, parte do vasto aparato de segurança interna com ligações com o crime organizado utilizando táticas semelhantes à nazistas. Milhares de pessoas em todo o mundo são vítimas de perseguição organizada e tortura e tem os seus direitos constitucionais e humanos sob ataque suas carreiras relacionamentos saúde e vidas destruídas atrocidades indescritíveis estão sendo cometidas crimes contra a humanidade tal como definido pelas Nações Unidas. Leiam o texto da Dra.Rauni – Leena sobre Implantes de Microchip e Cibernética. https : / / sites.google.com / home / controlemental / voz – intracraniana.

Responder