O protesto equivocado contra Ronaldo Fraga

Por Maya Santana
As modelos desfilaram na Avenida Paulista, onde há um vai e vem imenso de pesoas

As modelos desfilaram na Avenida Paulista, onde há um vai e vem imenso de pessoas

Impressionante como um mal entendido pode gerar tanto desencontro. O estilista Ronaldo Fraga, conhecido pela sua sensibilidade e criatividade, colocou na passarela, na Semana da Moda de São Paulo, há poucos dias,   modelos usando perucas feitas com palha de aço. A coleção do estilista foi inspirada no  futebol de várzea e na cultura negra, por isso, ele usou as tais perucas. Eram uma homenagem. Não se sabe bem como, começaram a acusa-lo de racismo. Horrorizado, Ronaldo se manifestou, dizendo que não entenderam a proposta dele.  “Quando acordei e vem essa acusação de racismo, eu pensei: gente, o que aconteceu, que mundo é esse?” Ele cansou de dizer que não era nada disso. Não adiantou.

Nesta segunda-feira,  modelos desfilaram na Avenida Paulista, em São Paulo, usando modelos feitos de palha de aço – um protesto contra o estilista. Na cabeça, usaram pedaços de panos coloridos. O evento foi organizado por uma agência de modelos negras. As perucas idealizadas por Fraga em parceria com o maquiador Marcos Costa se tornaram alvo de um debate sobre racismo, que ganhou dimensão nas redes sociais. Alguém de bom senso precisa intervir nesta história para por um ponto final a equívoco tão lamentável.

Veja um pouco dos bastidores do desfile da coleção de Ronaldo Fraga, na semana passada:


CONTEÚDO PUBLICITÁRIO

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário





2 Comentários

ana 27 de março de 2013 - 00:04

O mundo da moda adora todo tipo de extravagância. Só no mundo da moda o feio é bonito. . Falem mal de mim mas falem, é o lema. Poderia ser o caso de Ronaldo Fraga mas ele não precisa disso. O que acontece é que até os muitos talentosos erram. Acho que ele errou, é um visual muito feio, áspero. Só por isso. .

Responder
Déa Januzzi 25 de março de 2013 - 23:59

Como jornalista conheço a sensibilidade e a ousadia de Ronaldo Fragas para tratar assuntos delicados. Em 2009, ele foi o primeiro estilista do SPFW a levar para a passarela modelos ccom mais de 60 anos e muitos de 80 e 90 anos. Ouvi Deinha, uma das mdelos, de quase 70 anos, declarar como a sua vida mudou para melhor depois do desfile. Ela ama Ronaldo Fraga e eu também. Ele é um ícone, uma das melhores pessoas que conheço, além do talento reconhecido e aplaudido por todos. Imperdoável para onde foram as criticas infundadas. Estamos com você, Ronaldo Frraga. Ccontinue a brilhar e a discutir a vida.

Responder

Utilizamos cookies essenciais de acordo com a nossa Política de Privacidade e ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Aceitar Leia mais