fbpx

Papa pede mais diálogo entre jovens e idosos

Por Maya Santana

Expressão máxima de contentamento

Francisco no Rio: expressão máxima de contentamento

O papa Francisco pede que a sociedade abra espaço e valorize o diálogo entre jovens e idosos, reforçando sua mensagem de que ninguém deve ser “descartado”.  Na oração do Ângelus no Palácio São Joaquim, no Rio, nesta sexta-feira, 26, o pontífice fez questão de insistir na importância dos mais idosos para a sociedade. Ele pede um diálogo entre as gerações, “um tesouro que deve ser conservado e alimentado”.

O papa lembrou que, hoje para a Igreja, comemora-se o dia dos avós e a festa de São Joaquim e Sant’Ana, e fez questão de dedicar sua oração a esse segmento. “Como os avós são importantes na vida da família, para comunicar o patrimônio da humanidade e de fé que é essencial para qualquer sociedade”, declarou.

“Nesta Jornada Mundial da Juventude, os jovens querem saudar os avós e agradecem pelo testemunho de sabedoria que nos oferecem continuamente”, disse.

Durante o trajeto que fez de papamóvel até o Palácio São Joaquim, o papa Francisco desceu do veículo e deu beijos em duas senhoras. Uma delas, dona Vanda, a segunda a receber um beijo do papa, completará 100 anos em dezembro e mal podia conter a emoção após o contato com Francisco. Os voluntários que estavam perto, na Rua da Glória, a poucos metros do São Joaquim, providenciaram um banquinho para que ela se sentasse. (Fonte: Estadão)

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

quatro × dois =