fbpx

Para retardar envelhecimento, cuide da glicemia

Por Maya Santana

Todo cuidado é pouco

Se a taxa estiver acima de 99mg/dl está além do considerado normal

Tenho ouvido muita gente dizer que substituiu o pão no café da manhã por tapioca, que não tem glúten. Mas veja o que diz este artigo, publicado no site do jornal Zero Hora, sobre a importância de se manter a taxa de glicemia – açúcar no sangue – abaixo dos 99 pontos.

Leia:

Você começa uma dieta de baixa ingestão de glúten porque dizem que melhora a digestão e, por consequência, emagrece e melhora o processo de envelhecimento. Aí, no café da manhã troca o pãozinho por tapioca. Eis que você está fazendo isso errado, muito errado. De fato, a receita da farinha de tapioca não tem glúten, mas é um carboidrato com alto poder glicêmico, que faz o organismo produzir muita insulina, ou seja, esse alimento tem alto potencial de aumentar a carga de açúcar no sangue.

A glicemia é a taxa de concentração de glicose no sangue. Se estiver acima de 99mg/dl está além do considerado normal. O resultado disso é a oxidação das células, fator determinante para acelerar o processo de envelhecimento.

– O envelhecimento é um processo natural do desenvolvimento humano. Temos que procurar ter um processo saudável para o envelhecimento. Isso significa dizer que precisamos colocar na mesa alimentos que ofereçam antioxidantes, que previnem doenças e anulam a ação de oxidação celular – explica a nutricionista Tatiana Pizzato Galdino, mestre em Gerontologia Biomédica.

Uma pesquisa realizada pela Universidade de Nova York sobre o envelhecimento mostrou que o processo pode ser mais saudável se a quantidade de calorias consumidas por dia foi baixa. Uma dieta pobre em carboidratos, segundo os responsáveis pelo estudo, protege contra doenças relacionadas à idade, como a perda de memória, e mantém uma aparência jovem por mais tempo.

Os carboidratos são os principais “culpados” pelo aumento da produção de insulina pelo organismo.

– A gordura não é mais a vilã das dietas. O carboidrato é o verdadeiro vilão porque ele eleva muito a insulina no sangue. Para as pessoas mais velhas, os picos de insulina são muito ruins para a saúde, pois aumentam a gordura visceral, aquela gordura que fica entre os órgãos – aponta a nutricionista. Clique aqui para ler mais.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

quatro − 4 =