Se você tem entre 48 e 68 anos, precisa ler isso

Por Maya Santana
Os postos de saúde do SUS oferecem a vacina contra a hepatite C

Os postos de saúde do SUS oferecem o exame para detectar hepatite C

Nascidos entre 1945 e 1965 devem procurar uma unidade básica de saúde (postos  ou Clínicas da Família) e fazer um teste de hepatite C. O alerta, dado no Brasil  pela Associação Brasileira dos Portadores de Hepatite (ABPH), foi lançado nos  Estados Unidos após a constatação de que essas pessoas têm cinco vezes mais  riscos de estarem contaminadas.

A explicação é que tal geração cresceu numa época em que eram comuns o uso de  seringas de vidro e transfusões de sangue não testados para a hepatite C, só  descoberta em 1989.

Segundo o hepatologista Giovanni Faria Silva, da Universidade Estadual  Paulista, a testagem é necessária porque a doença não apresenta sintomas em 95%  dos casos, sendo comum o diagnóstico já em estágio avançado.

– Depois de 20 anos, a infecção evolui para cirrose em 25% dos pacientes,  tudo de forma assintomática. A cirrose provoca a falência do fígado e, se não  tratada, leva à morte – diz o médico.

O teste de hepatite C é feito por meio de exame de sangue, que detecta a  presença de anticorpos contra o vírus no organismo. Caso dê positivo, um outro  exame, que analisa o material genético do vírus, é feito. Mais um positivo  aponta a necessidade de biópsia do fígado para indicação de tratamento.

O publicitário e presidente da ABPH, Humberto Silva, de 48 anos, conta que  viveu 38 anos com a hepatite C sem saber. Há dez anos, ele foi ao médico, que  solicitou o exame de sangue específico. Leia mais em ExtraGlobo:


CONTEÚDO PUBLICITÁRIO

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário





Utilizamos cookies essenciais de acordo com a nossa Política de Privacidade e ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Aceitar Leia mais