Tarot da Semana: A arte de ser feliz

Por Maya Santana
A arte de ser feliz

Um estado de contentamento com a vida

Alexandre Moreira, Tarólogo

Há, entre os 22 Arcanos Maiores do tarot uma carta que representa a felicidade plena. Aquele estado de contentamento com a vida, com o ambiente e as pessoas que nos cercam, com o nosso trabalho e lazer, com a família e os amigos, com as perspectivas e os objetivos alcançados.

O Sol, carta 19 do tarot, é a imagem absoluta desse estado de graça que acreditamos viver algumas poucas vezes na vida. É o reconhecimento de que o Universo conspira a nosso favor. Acontece quando nos sentimos inteiros e abençoados, numa profunda e inconfundível ligação entre os planos físico, mental, emocional e espiritual. Quando somos proativos, agentes do nosso destino, conscientes do nosso potencial, usando nossas melhores capacidades.

Mas, há pessoas que se recusam a considerem-se merecedoras, dignas de uma felicidade absoluta. Que, presas a antigos e mal interpretados cânones, ainda acreditam que este mundo é “um vale de lágrimas” para onde viemos purgar nossos pecados de existências anteriores e, então sim, nos preparar para o Paraíso… que infelizmente parece existir somente num outro plano, numa outra vida, ou seja, distantes do nosso presente, do nosso “agora”.

Há gente que se oculta, sob todos os disfarces e desculpas, das benesses que a Vida proporciona. Que prefere viver à sombra, fantasmagoricamente, ignorando a Luz, ato primeiro da própria Criação. O Sol, essa fonte de energia e, portanto, de vida, que esclarece as decisões e ilumina os caminhos, que revela a verdade e permite que as sementes dos nossos projetos cresçam e se desenvolvam, passa a ser evitado por quem se desconhece a tal ponto, se ignora e se subtrai de tal maneira, que vive temeroso do que a luz possa clarear.

Ser feliz é o resultado de uma autoestima bem construída, de um ego equilibrado, de uma vida sem subterfúgios, da capacidade de reconhecer os próprios defeitos e qualidades e, sobretudo, entender-se merecedor daquilo a que chamamos de Felicidade.


CONTEÚDO PUBLICITÁRIO

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário





Utilizamos cookies essenciais de acordo com a nossa Política de Privacidade e ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Aceitar Leia mais