Tempestade Sandy fecha a estátua da liberdade

Por Maya Santana

Estátua e a ilha onde está localizada sofreram danos

A Estátua da Liberdade, um dos monumentos mais visitados de Nova York, ficará fechada este resto de ano, sem previsão de reabertura, até que sejam reparados os estragos causados pela passagem da tempestade Sandy. A pequena ilha Ellis, onde está localizada a estátua, também está fechada desde 29 de outubro, quando Sandy atingiu a área com força de furacão.

A estátua, instalada na Ilha na entrada do porto de Nova York, local da histórica chegada de imigrantes, foi um presente do povo francês nas comemorações do centenário da Independência americana, em 1876. Uma batalha vencida pelos americanos contra os Ingleses foi o motivo que levou os franceses a presentearem os Estados Unidos.

Projetada pelo escultor francês Frédéric Auguste Bartholdi, a estátua da liberdade chegou aos Estados Unidos de navio. Logo depois de instalada, veio a inauguração, em 28 de outubro de 1886. Com o fogo da tocha que ostenta sempre aceso, ela tem forte simbologia para os americanos. É considerada Patrimônio Mundial da Unesco. E, em 2007, foi eleita uma das sete maravilhas do mundo moderno. Recebe, anualmente, entre 4 e 5 milhões de turistas.


CONTEÚDO PUBLICITÁRIO

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário





Utilizamos cookies essenciais de acordo com a nossa Política de Privacidade e ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Aceitar Leia mais