Tudo que você precisa saber sobre hemorroidas

Por Maya Santana
É mais comum em pessoas que estão entrando na 3ª idade

São mais comuns em pessoas entre 45 e 65 anos

Especialista afirmam que as hemorroidas são mais comuns em pessoas que estão entrando na terceira idade, numa faixa de 45 a 65 anos. Segundo o Dr. Dráuzio Varella, hemorroidas não costumam constituir um problema muito sério de saúde. “Entretanto, procure imediatamente assistência médica nos casos de sangramento anal intenso acompanhado ou não de fezes; Sangramento que persiste por uma semana ou mais;3)Endurecimento da saliência externa que se formou no ânus.

Leia o artigo do Dr. Dráuzio Varella:

Hemorroidas são veias ao redor do ânus ou do reto que se inflamam ou dilatam.Durante o movimento intestinal, essas veias dilatam-se e retraem-se, geralmente voltando ao tamanho normal. No entanto, o esforço repetido para evacuar, seja por intestino preso (obstipação) ou fezes endurecidas, pode dificultar o processo de drenagem do sangue e provocar a formação de hemorroidas.

As hemorroidas podem ser externas ou internas. Quando externas, assemelham-se às varizes ou a pelotas de sangue e são visíveis na borda do ânus. Quando internas, localizam-se acima do esfíncter anal e causam sintomas mais agudos.

Causas

* Obstipação, vulgarmente conhecida como prisão de ventre;

*Gravidez: em virtude da pressão que o feto exerce sobre as veias da parte inferior do abdome;

* Obesidade: o excesso de peso também aumenta a pressão nas veias abdominais;

* Vida sedentária: diminui o estímulo para a digestão dos alimentos e a irrigação sanguínea do ânus;

* Componente genético: casos de hemorróidas na família podem indicar predisposição para desenvolver a doença. O inverso também é possível, isto é, desenvolvimento de hemorróidas sem que haja precedentes familiares;

* Dieta pobre em fibras e pequena ingestão de líquidos;

* Sexo anal: pode produzir fissuras numa região muito vascularizada.

Sintomas

* Coceira provocada por inchaço das veias o que aumenta a tensão sobre as terminações nervosas;

* Sangramento resultante do rompimento das veias anais (sinais de sangue aguado ou manchas de sangue perceptíveis na roupa íntima ou no papel higiênico);

* Dor ou ardor durante ou após a evacuação;

* Saliência palpável no ânus.

Tratamento

O tratamento para as hemorróidas pode ser:

a) Tópico ou local, com pomadas e supositórios;

b) Cirúrgico (hemorroidectomia), isto é, retirada das veias doentes. Por vezes, apenas a punção do coágulo que entope o vaso hemorroidário pode resolver o problema sem cirurgia;

c) Ligadura elástica: técnica que consiste no estrangulamento da veia afetada. Clique aqui para ler mais.


CONTEÚDO PUBLICITÁRIO

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário





1 Comentários

tiago 19 de agosto de 2016 - 23:08

eu tenho hemorroidas e confesso que tenho muito medo de fazer cirurgias, eu prefiro ir pelo método natural, vou mudar meu hábitos alimentares, pra ver se traz algum resultado. parabéns pelo post.

Responder

Utilizamos cookies essenciais de acordo com a nossa Política de Privacidade e ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Aceitar Leia mais