fbpx

Um protesto contra a eleição de fichas-imundas

Por Maya Santana

81 produtos de limpeza: o mesmo número de senadores

81 produtos de limpeza: o mesmo número de senadores

Manifestantes  contra a volta de Renan Calheiros à presidência do Senado realizaram protesto em frente ao Congresso Nacional, em Brasília, nesta quarta-feira.  Os organizadores do protesto – que participam de movimentos diversos contra a corrupção – são os mesmos que criaram um abaixo-assinado na internet contra a volta de Renan Calheiros (PMDB-AL) à presidência do Senado, após ter deixado o cargo sob escândalos em 2007. O protesto virtual já reúne 16 mil assinaturas e pede para que os parlamentares elejam um senador ficha-limpa.

No Rio, ao pés do Cristo Redentor, eleitora empunha cartaz

No Rio, ao pés do Cristo Redentor, eleitora empunha cartaz

Mas, apesar dos protestos e da indignação de boa parte da sociedade brasileira, já está tudo pronto para que o substituto do eterno José Sarney seja mesmo o alogoano Renan Calheiros, que deverá ser empossado no cargo nesta sexta-feira. Custa crer que um homem com a ficha de Renan –  despesas pessoais pagas por lobista de empreiteira, apresentação de documentação falsa como prova de defesa, uso de laranjas em emissoras de rádio, etc. –  seja eleito, nas barbas de todos, para o mesmo cargo ao qual teve que renunciar para não ser cassado por corrupção.

Na Câmara, a situação é a mesma. O novo presidente será o deputado Henrique Eduardo Alves, também do PMDB, retirado da vice-presidência na chapa de José Serra, em 2002, porque em processo de divórcio litigioso sua ex-mulher revelou a existência de depósitos de R$ 15 milhões em contas no exterior sem a devida declaração.

E eu pergunto: como é que a gente melhora esse país, com tanta escuridão lá em cima?

Notícias Relacionadas

Deixe seu comentário

1 Comentários

Avatar
Paulo Luiz Mendonça. 4 de fevereiro de 2013 - 14:17

Congresso nacional. A vergonha de todo território brasileiro.

Pelo que vejo, terminarei meus dias na terra, sem ver nenhum progresso no que tange a moralidade política no Brasil. No passado havia os coronéis dominando toda política. Hoje as coisas estão no mesmo patamar, não mudou nada. Parece que estamos vivendo em um pais com regime de reinado absolutista, onde temos a figura do Sarney como um rei ostentando sua coroa, o cetro na mão, sentado
confortavelmente em seu trono. Tudo que ele ordena é executado imediatamente. Digo isso, depois de ver um cidadão ficha suja ou pelo menos encardido pelo tempo vivido na podridão da política brasileira ser eleito para presidir o senado da república. Todos os meus compatriotas do Brasil estão indignados com a vitória deste cidadão, o qual nem gosto de mencionar seu nome, pois me dá náusea.
Seguindo nesta rota de imoralidade, nosso país nunca encontrará o caminho do progresso, pois estará sempre enveredando por desvios escusos, cheios de falcatruas e corrupções. Sendo assim estaremos sempre desviando do caminho correto para galgar um lugar no primeiro mundo.

Quem são os culpados desta situação?

Há muitos culpados, por exemplo:

Primeiro. Todos nós eleitores que, por ignorância ou por interesses próprios, continuamos a manter estes crápulas no poder.

Segundo. Todos nós que não indignamos com o ensino medíocre ministrado em nosso país. Deixamos a coisa rolar como se estivesse tudo bem.

Terceiro. As religiões, as quais mantêm o povo sempre cordato e esperançoso, acreditando na vida futura, se esquecendo que o importante para termos uma vida melhor é olharmos com carinho para a nossa vida terrena, pois o que vem depois da morte nunca foi e nunca será provado, portanto vamos cuidar do nosso dia a dia, vamos indignar com esta sujeira na política brasileira para podermos exercitar nosso direito de cidadania. Se querem ser religiosos, ir a missa ou a um culto tudo bem. Mas acompanhem também os noticiários, sejam cidadãos atuantes. Se gostarem de futebol e carnaval, tudo bem, mas acompanhem também os noticiários principalmente sobre a política, embora se sabe que os noticiários não trazem toda verdade, porque os meios de comunicações estão sempre em conluios com os poderes públicos, salvo as raras e honrosas exceções. Porque há conluio entre os governos os meios de comunicações, porque o governos são clientes em potencial, onde gasta milhões em anúncios para se promoverem. Sendo assim nenhuma empresa privada irá descontentar um cliente divulgando toda verdade.

Paulo Luiz Mendonça. Apenas mais um brasileiro indignado com a política.

Abaixo um texto meu já editado, que continua sempre atual.

O QUE EU PENSO DA POLÍTICA.

A melhor comparação que faço da política brasileira. Como sempre, salvo as raras e honrosas exceções. Pois há muitos políticos bons, mas a maioria sem sombra de duvidas são picaretas. Tempos atrás eram, segundo o sindicalista Lula, trezentos, mas agora, com o avanço da tecnologia e o aumento desenfreados da impunidade, esse numero deve ter no mínimo triplicado. Imaginem um troço de fezes, quando ele está estático, de preferência sobre o sol, o mesmo cria uma espécie de película protetora, a qual impede que o mau cheiro se propague, com isso não afeta muito nosso olfato, mas quando alguém mexe e remexe o referido, o cheiro fica insuportável.
A política brasileira, e todas as políticas de países de terceiro mundo, também, com menos intensidade nos países de primeiro mundo. É a mesma coisa. Às vezes, durante um tempo, às coisas parecem estar tudo mais ou menos bem, mas subitamente surge uma noticia de uma nova corrupção, este fato passa a ser investigado, nesse momento inicia-se uma cassada aos culpados. Mas por incrível que possa parecer, ao invés de contratarem detetives para esclarecer os fatos. Imaginem eles contratam pizzaiolo. Depois deste procedimento não há possibilidade de haver justiça, o que temos como resultado é pizza. É como se estivesse mexendo e remexendo em algo muito podre, logo começa a exalar um mau cheiro, terrível, insuportável. Se alguém tiver uma definição melhor do que esta para a política, que me passe esta informação ficarei muito grato.
Paulo Luiz Mendonça.

Se você também esta indignado com tudo isso, repasse este para seus contatos, isso serve de desabafo.

Responder