fbpx

Uma rede de academias para quem tem mais de 60 anos

Por Maya Santana

Já são 3 academias, 40 funcionários e 650 alunos

Cresce o número de idosos no país e empresários aproveitam o momento para investir em negócios voltados para a terceira idade.

Há 8 anos, o empresário Benjamin Apter montou, com mais dois sócios, uma academia de ginástica, na zona oeste de São Paulo, para alunos que já passaram dos 60 anos. O investimento para montar a primeira unidade da rede foi de R$ 250 mil. Hoje, a rede já conta com 3 academias, 40 funcionários e 650 alunos matriculados.

O empresário fatura cerca de R$ 3 milhões por ano e já planeja expansão da rede. “Os índices do IBGE estão apontando que o Brasil está envelhecendo, então a população esta vivendo mais e já estava buscando uma melhor qualidade”, diz Apter. Foram 2 anos de estudo de mercado para chegar ao modelo ideal. O empresário percebeu que o público idoso é carente de aulas específicas de fortalecimento muscular.

“Nós ficamos muito atentos nas grandes universidades, nas publicações científicas onde se estudava muito que exercício para terceira idade não só melhorava a qualidade de vida, mas também melhorava os índices de doenças crônicas… melhorava a glicemia na diabetes, melhorava o nível de pressão no hipertenso, melhorava ansiedade, depressão, osteopenia, osteoporose”, diz o empreendedor.

Para frequentar duas vezes por semana a academia, o valor da mensalidade é de R$ 365. “Nosso faturamento vem aumentando em media 20% ao ano. Pretendemos dobrar o nosso faturamento em 3 anos”, diz o empresário. Leia mais em www.oglobo.com.br

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

4 × 1 =