ArtigosHistória de Vida

Brasileiros, famosos e anônimos, pedem desculpas a Brigitte

Maya Santana, 50emais

Brigitte, 66, professora, três filhos do primeiro casamento, é considerada muito inteligente

Mesmo quem é contra a França em toda essa confusão envolvendo os presidentes dos dois países admite: golpe sujo esse de usar a idade da mulher de Emanuel Macron, 41, Brigitte, 66, como forma de agredir o Presidente francês. Desde antes dele assumir a presidência da França, em junho de 2017, Brigitte já vinha sendo motivo de chacota, pelo simples fato de ser 25 anos mais velha que o marido.

Na época, jornais do mundo inteiro fizeram todo tipo de brincadeira de mau gosto, publicaram charges e piadas as mais grosseiras. Como se tivesse alguma importância para a política internacional a idade da mulher do líder francês. No nosso caso, a Amazônia esta queimando, o que é que Brigitte tem com isso? E no que é que isso pode ajudar a apagar os focos de incêndio?

O mais curioso é que, se Brigitte é 25 anos mais velha que Macron, Bolsonaro, 63, tem 26 anos a mais do que Michelle. Mas aí, vale a lógica machista: ele pode. Ela não.

Leia também: Brigitte, mulher de Macron, tem 25 anos a mais do que ele

Michelle Bolsonaro, com quem Brigitte foi comparada, tem apenas 37 anos

Indignados, muitos brasileiros, gente famosa e gente desconhecida, se engajaram em um movimento, iniciada anteontem, cuja finalidade é pedir desculpas aos franceses e à primeira dama – ela foi professora de Macron. Os dois estão juntos desde 2007. Brigitte, inclusive, teve papel importante na campanha eleitoral de 2017, que acabou levando Macron à presidência da França.

O escritor Paulo Coelho, residente em Genebra, na Suiça, foi um dos primeiros a se manifestar. Ele gravou um vídeo em francês, no qual pede desculpas aos franceses pelo que chamou de “grosseria” do presidente brasileiro. Outros brasileiros utilizaram a hashtag #PerdãoBrigitte ou # PardonBrigitte para se manifestar em favor do respeito e da civilidade.

Leia o artigo publicado por O Globo:

Depois de o presidente Jair Bolsonaro fazer um comentário considerado sexista em uma postagem de um seguidor seu na internet — que comparava a primeira-dama da França, Brigitte Macron, à mulher de Bolsonaro, Michelle —, muitos brasileiros usaram as redes sociais para pedir desculpas ao casal francês pela postura do chefe de Estado brasileiro.

O post da discórdia : azedou de vez as relações entre os dois presidentes. Bolsonaro, depois da polêmica, apagou o seu comentário

A hashtag #DesculpeBrigitte — com as variações #DesculpaBrigitte e sua versão em outros idiomas, em especial em francês, #PardonBrigitte — foi usada milhares de vezes em diversas plataformas, principalmente no Twitter, no qual chegou aos trending topics — os assuntos mais comentados da rede.

‘Mulher não é um prêmio’: Estudiosas de gênero rebatem comentário de Bolsonaro sobre primeira-dama da França

O movimento começou a aparecer na internet na segunda-feira e se intensificou nesta terça. Ele foi reforçado por dois abaixo-assinados de brasileiras que moram na França. O “Grupo Mulheres do Brasil”, com 40 mil integrantes, e o “Brasileiras de Paris”, com cerca de 5 mil.

Os dois casais no centro da polêmica franco-brasileira

“Repudiamos qualquer tipo de atitude sexista ou machista e achamos que o dever de um presidente é repelir comportamentos deste tipo em vez de referendá-los”, escreveu o primeiro grupo. “De forma suprapartidária e a favor do diálogo, nos colocamos à disposição do presidente Jair Bolsonaro para apresentar dados sobre desigualdade entre gêneros, violência contra a mulher e misoginia”, completou o “Grupo Mulheres do Brasil”.

Leia também: Por que a primeira dama da França vem sofrendo tanto bullying

O ator Bruno Gagliasso também comentou a fala de Bolsonaro: “Perdoe-nos, Brigitte Macron. Nós estamos envergonhados com essa postura dos nossos representantes. Esta não deveria ser a atitude de um chefe de Estado”, publicou o ator, também em francês.

O site do jornal “Le Parisien” relata que a primeira-dama francesa ficou emocionada com as mensagens de apoio que recebeu de brasileiras e brasileiros pela internet.


close

Inscreva-se para receber conteúdo incrível em sua caixa de entrada, todas as semanas

Prometemos que nunca faremos spam! Dê uma olhada em nossa Política de Privacidade para mais informações.

Artigos relacionados

6 Comentários

  1. Pardon Mandame Brigitte Macron. Pela grosseria proferida Por este Sr. Presidente sem postura. Eu como Brasileira me sinto envergonhada por essa atitude tão ignorante grotesca chula e inconsequente.

    1. Matéria totalmente desnecessária…vão se preocupar com coisas importantes como a corrupção do STF tentando acabar com quem quer realmente moralizar o país. Adoram fazer um escarcéu com qualquer coisa q o presidente fale e passaram 16 anos aguentanfo dois ignorantes falando tudo q era asneira enquanto saqueavam o Brasil. Tomem vergonha na cara e sejam brasileiros e nao seguidores de seita.

      1. Tania, por favor, esse espaço é para discutir ideias e não para as pessoas agredirem umas às outras. Cada um tem suas próprias opinião. E, mesmo que a opinião seja diferente da nossa, temos que respeitar. O respeito é fundamental é qualquer relacionamento. Grande abraço para você!

Deixe seu comentário

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo