Raquel Alves: “O maior investimento que temos de fazer é em nós mesmos”

Por Maya Santana

Filha do escritor e educador Rubem Alves, Raquel é arquiteta e escritora, autora do projeto “Arquitetura do sensível”, que propõe um percurso pessoal e profissional em direção ao autoconhecimento e à autoestima

Live organizada pela editora Girabrasil, no domingo, 24 de outubro, às 11h30 da manhã, apresenta Raquel Alves, seus livros e a “Arquitetura do sensível” – uma viagem em busca da alegria de viver

Beth Cataldo

Uma das passagens mais emocionantes dos depoimentos que Raquel Alves apresenta em seu site é aquela em que faz uma afirmação tão singela quanto desafiadora: “Eu quero estar aqui”. É com essa decisão de estar no mundo e de reafirmar sua singularidade que a arquiteta e escritora apresenta suas credenciais no projeto “Arquitetura do sensível”, que propõe um percurso pessoal e profissional em direção ao autoconhecimento e à autoestima.

Os caminhos que desenha com a delicadeza dos sentimentos à flor da pele não podem ser dissociados de sua própria experiência, marcada por adversidades que ela transformou em processos de superação – como a severa deficiência visual. A busca pela alegria de viver passou por um profundo mergulho interior do qual emergiu como alguém capaz de se enxergar de forma plena. Afinal, “de que adianta ter visão perfeita se os olhos da alma forem míopes?” – pergunta Raquel.

Filha do escritor e educador Rubem Alves, ela é graduada e pós-graduada em Arquitetura e Urbanismo pela PUC de Campinas, mas tem construído uma trajetória muito mais ampla do que indicaria sua formação acadêmica inicial. É como “coach de vida” – essa expressão instigante criada para demarcar um novo campo de atuação – que inovou na abordagem da complexidade humana. O propósito desse trabalho “é ajudar as pessoas a tirarem de dentro de si o melhor delas”, como explica.

Muitas perguntas perpassam esse processo de autoconhecimento e de transformação. Mas uma delas é particularmente inquietante: “Sou adulto e ainda não encontrei o que de fato gosto. Como faço para achar?” Essa pergunta se torna ainda mais relevante quando nos lembramos que vivemos em uma sociedade que costuma compartimentar conhecimentos e vocações, estabelecendo limites estreitos para a atuação profissional. E direcionando-a, muitas vezes, para uma orientação meramente mercadológica.

Raquel Alves, que tem deficiência visual, no lançamento do seu livro “Muito Além da Visão”, disponível também em áudio

O que Raquel Alves propõe, ao contrário, é abrir os horizontes, aprender a lidar com nossos sentimentos e desenvolver a autoaceitação, o que envolve desde a aparência ao estilo de vida. No site que apresenta os valores da “Arquitetura do sensível”, que pode ser acessado no endereço www.raquelalves.com.br, há um roteiro revelador sobre os passos a serem dados para “despertar o sensível” e promover o equilíbrio entre razão e emoção, considerados alicerces fundamentais para a construção do indivíduo e sua plenitude.

No mesmo endereço, é possível também conhecer e comprar os livros publicados por Raquel Alves. Os títulos, como ela faz questão de ressaltar, não se destinam apenas ao público infantojuvenil, mas também ao segmento adulto, que certamente encontrará em suas narrativas inspiração para a vida. Há, ainda, um livro organizado por ela com 27 narrativas de pessoas com deficiência visual, uma para cada estado brasileiro, intitulado Muito além da visão, disponível também no formato de audiolivro.

Na live programada pela editora Girabrasil, no contexto da Feira do Livro de Frankfurt, será possível conhecer o pensamento generoso de Raquel Alves e suas reflexões sobre as incertezas e angústias do mundo contemporâneo. “Pessoas bem resolvidas constroem uma sociedade bem resolvida”, ela costuma dizer ao abordar os desafios do cenário em mutação em que estamos mergulhados. Uma última e preciosa lição poderá ser repassada nesse encontro virtual: “O maior investimento que a gente tem de fazer é em nós mesmos”.

Acesse a página da Girabrasil, que articula pontes entre a Alemanha e o Brasil, para acompanhar a live, marcada para as 11h30 do dia 24 de outubro: https://www.youtube.com/channel/UCTw3wc-51K9qnnGV1xuEo7Q
Conheça também o site www.girabrasil.com e saiba mais sobre essa editora parceira da Tema Editorial.

Leia também – Adélia Prado: O tempo leva a vida. A memória traz de volta o que importa

Rubem Alves: A Pior Idade


CONTEÚDO PUBLICITÁRIO

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário





Utilizamos cookies essenciais de acordo com a nossa Política de Privacidade e ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Aceitar Leia mais